Fundação lança livro e inaugura mostra 'Cores de Inimá'




01 - Fase Cubista de Inimá de Paula
02 - Limites do igurativo e Abstracismo
03 - Meninas, de 1999
04 - Inimá de Paula

Fotografia (1, 2, 3): Isaac Boy de Souza


Morgan da Motta (*)
CRÍTICO/ARTES VISUAIS

A Fundação Inimá de Paula (FIP), que trabalha para a preservação e divulgação da obra e memória de um dos mais importantes nomes da pintura brasileira, promove hoje coquetel de lançamento do livro "Inimá: Obras Catalogadas - Volume II". No mesmo cenário - o Salão Tiradentes do Ouro Minas Palace Hotel - será inaugurada a exposição "Cores de Inimá". Esse segundo volume publica as 358 obras autenticadas e catalogadas em vários estados brasileiros. Apresenta, ainda, 350 slides de obras não catalogadas, produzidos pelo próprio pintor e mantidos em seu arquivo pessoal, além de textos de conceituados críticos brasileiros.

O livro marca a segunda fase de uma catalogação iniciada há sete anos, trabalho que merece destaque por ser o primeiro no Brasil a ter início com o artista ainda vivo. "Conseguimos documentar cerca de de 2.200 obras pertencentes a um universo de, aproximadamente, 3.700 produzidas por Inimá durante os seus 60 anos de profissão. Um universo reduzido, visto que Volpi, Di Cavalcanti e Portinari produziram mais de cinco mil obras cada um", declara Mauro Tunes Júnior, diretor-presidente da FIP. Quem adquirir a obra no lançamento receberá de presente um "prato de boa lembrança" feito especialmente para a ocasião.

Vale lembrar que o primeiro volume de "Inimá - Obras Catalogadas" foi lançado pela FIP em agosto de 2002, reproduzindo 1.458 obras catalogadas pela Fundação, em 575 páginas. Por sua vez, a mostra individual com sabor de retrospectiva "Cores de Inimá" vai levar ao público em geral, e aos convidados das festividades do aniversário de 20 anos da RM Sistemas, uma criteriosa seleção de obras do artista, contemplando paisagens urbanas, paisagens de cidades do interior, paisagens européias, auto-retratos, figuras humanas, abstratos e naturezas mortas. O óleo sobre tela será a técnica dominante, mas haverá também aquarelas, guaches e desenhos.

O "Museu Inimá de Paula" estará presente, ou seja, com vitrinas cedidas pela Joalheria Manoel Bernardes, onde ficarão expostos objetos pessoais e de trabalho do artista. A museóloga e crítica de arte Guiomar Lobato, diretora da Fundação e curadora da mostra, assim se expressa a respeito do seu projeto curatorial: "A mise-en-scène da exposição será uma montagem no Salão Tiradentes, que terá as paredes e o chão revestidos de negro, e apenas as pinturas, desenhos e guaches - cerca de 45 - e as vitrines-museus receberão luz focal. Além disso, cada quadro será identificado (registro, nome, técnica e ano) com etiqueta própria, a qual trará também uma frase esclarecedora sobre a execução da obra, tanto do ponto de vista do estilo como do sentimento expresso".

Os dois eventos são o resultado de uma parceria firmada entre a Fundação Inimá de Paula, a RM Sistemas (que neste ano completa duas décadas), a Microsoft, o Banco Real, o Ouro Minas Palace Hotel e a Manoel Bernardes. Por sua vez, o chef do hotel, Bruno Albergaria, criou, e estará oferecendo aos freqüentadores do Ouro Minas, no período da exposição, o prato "Badejo com Paleta de Purês", que é muito colorido - segundo ele, como os trabalhos do pintor -, composto pelos ingredientes preferidos por Inimá de Paula. Quem experimentar tal iguaria, receberá um prato comemorativo, com representações da arte do pintor mineiro. Sobre a Fundação Inimá de Paula, criada em 1998, a instituição relata a carreira profissional de Inimá por meio de suas obras catalogadas, memórias e de sua vasta biblioteca.

O acervo da fundação apresenta quadros pintados por Inimá, desenhos, pincéis, paletas, fotos, prêmios etc. Coquetel de lançamento de "Obras Catalogadas - Volume II" e da exposição - Hoje, das 20 às 23 horas. Ouro Minas Hotel (Avenida Cristiano Machado, 4.001). Visitas das 14 às 17 horas, de segunda a sexta-feira, até o dia 18.


(*) Morgan da Motta é jornalista e crítico de arte. Home Page: www.morganmotta.com. E-mail: mmotta@hojeemdia.com.br)

14.02.2006